Tag: ataque cibernético

Mais uma semana está começando e se você esteve fora do ar ou simplesmente não teve tempo de saber das novidades on-line, separamos as principais notícias para você em um só post!

+ Leia as notícias da semana anterior

Usuários começarão a pagar para ler notícias no Facebook

No mês passado, houve rumores que o usuário teria que pagar pelas notícias que circulavam pelo Facebook. Pois é, essa informação foi confirmada pela diretora do Facebook, Campbell Brown, nessa semana.

A plataforma pretende implementar um sistema de acesso para conteúdo jornalístico e funcionaria da seguinte maneira: eles dariam uma “amostra grátis” ao usuário, que poderia ler até 10 notícias gratuitamente, depois seria levado à compra da assinatura.

Segundo Brown, os testes começarão já em outubro e, caso a performance seja positiva, a novidade estará disponível para maiores públicos em 2018.

Leia a notícia completa

Ataques cibernéticos podem deixar prejuízos de até 121 bilhões de dólares

O mundo tem passado por uma série de ataques cibernéticos, mas, mesmo perdendo documentos e dados, foi possível evitar danos mais graves.

+ Entenda a tecnologia por trás dos ataques cibernéticos

Todavia, uma situação hipotética de um grande ataque foi pensada pela Lloyd’s com a Cyence, empresa de modelagem de riscos, e foi afirmado que poderia haver uma perda entre US$ 4,6 bilhões e US$ 53 bilhões, com perdas reais chegando até US$ 121 bilhões! O pior é que até US$ 45 bilhões de toda essa somatória podem não ser cobertas devido à insuficiências de empresas!

O ataque do ransomware WannaCry, em maio deste ano, teve um impacto de US$ 8 bilhões, e o vírus “NotPetya”, em junho, causou US$ 850 milhões em custos econômicos.

Leia a matéria completa aqui

Facebook se rende aos GIFs e lança ferramenta de criação

Após ter copiado, descaradamente, as funções do SnapChat, o Facebook decidiu se render completamente aos GIFs, finalmente.

Com o sucesso das respostas por GIFs dos usuários, a plataforma está expandindo esse recurso também para a câmera do APP, no modo História, deixando a criatividade por parte do usuário na produção de GIFs personalizados.

Por enquanto, apenas quem tem iOS consegue usufruir da novidade, mas em breve ela também estará no sistema Android. É esperar pra ver!

Leia a matéria completa